sábado, 21 de janeiro de 2017



Honestidade Confessional ou não?

Eu creio que ser honesto e agir conforme pregamos, é viver e agir de acordo com o credo denominacional que professamos!
Muitos querem usufruir da história e nome das Assembleias de Deus!
O exemplo que dou é sobre a quantidade enorme de "pastores" e afins, usando o Logo e nome Assembleia de Deus em suas placas!
Com práticas e atividades que não são próprias das Assembleias de Deus!
Porém o pior de todos, são os praticados por aqueles que teimam em permanecer em nosso meio e desobedecendo frontalmente aos princípios, paradigmas e marcos antigos, etc...
Vejamos o artigo a seguir:
"Honestidade confessional e denominacional
Honestidade é de suma importância tanto em teologia quanto em transações comerciais, tanto em uma denominação religiosa quanto num partido político.
Honestidade denominacional consiste, em primeiro lugar, de uma clara declaração pela Igreja de suas crenças doutrinárias; e , em segundo lugar, de uma inequívoca e sincera adoção pelos seus membros.
Ambos são requisitos.
Se uma denominação em particular faz declarações soltas de suas crenças que são passíveis de mais de um sentido, o credo é bem desonesto.
Se o credo de uma denominação é bem elaborado e claro, mas a membresia subscreve a ele com reservas mentais e insinceridade, a denominação é desonesta.
Honestidade e sinceridade são encontradas na convicção clara, e convicção clara é encontrada no conhecimento e reconhecimento da verdade.
Heresia é um pecado, e é classificado por Paulo entre 'as obras da carne', junto com 'adultério, idolatria, assassinato, inveja e ódio' que excluem do reino de Deus (Gal. 5.19-21).
Mas a heresia não é tão grande pecado quanto a desonestidade.
Um herege que se reconhece como tal é um homem melhor do que aquele que pretende ser ortodoxo ao subscrever a um credo que antipatiza, o qual enfraquece no pretexto de adaptá-lo aos novos tempos.
O herege honesto deixa a Igreja com a qual não mais concorda; mas o subscritor permanece dentro dela de modo a seguir adiante o seu plano de desmoralização.
***
Autor: William G.T. Shedd
Tradução: Emerson Costa
Via: Estudantes de Teologia"
(Aviso: Tenho visão de reino, e em momento nenhum concebo a idéia sectarista, que salvação é somente nos arraiais assembleianos,)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AS MARCAS DO DISCIPULADO

AS MARCAS DO DISCIPULADO        Textos: Mateus 16.24 INTRODUÇÃO:  Paulo trazia no corpo as marcas de Cristo Jesus (Gl. 6.17).    ...