sexta-feira, 23 de outubro de 2009

Convenção de Pastores: Eleição, meu ponto de vista!!

Saudações Cristãs!

“Porque a nossa glória é esta: o testemunho da nossa consciência, de que com simplicidade e sinceridade de Deus, não com sabedoria carnal, mas na graça de Deus, temos vivido no mundo, e de modo particular convosco.” - II Cor. 1.12”

Mais uma oportunidade Deus nos dá a realização da Assembléia Geral Ordinária de nossa magna Convenção de Pastores das Assembléias de Deus no Paraná e eleições para a Mesa Diretora que regerá o próximo mandato: 2010-2012, sob a Graça de Deus e orientação do Espírito Santo!

Diante disto, Pastores submetem seus nomes para a apreciação do plenário, e eleitos, se dispõem a servir tão nobre causa!

Disse Martin Luther King: Eu Tenho um sonho!

O voto é a maneira clara de conhecer o desejo da maioria e direção Divina, talvez, a mais decisiva da parte do povo e das pessoas.

A eleição é, por assim dizer, a espinha dorsal da democracia, através da qual o povo escolhe representantes, para exercer e lutar pelos interesses que são de todos.

Portanto, ninguém deve se omitir, nem anular o voto, nem votar em branco.

Votar é um gesto de responsabilidade e de maturidade.


Voto não é mercadoria, é opção,

É ferramenta com a qual se avança na construção dos destinos da comunidade ou afins!

O voto é sagrado, é livre, é secreto.

Ninguém está obrigado a votar para pagar um favor.

É Hora de decisão, pois o voto tem resultados positivos ou não.

A Eleição de nossa Mesa Diretora não é e nem deve ser arena de ambições, nem corrida para ganhos próprios, mas uma declaração de responsabilidade e visão de Reino de Deus!

Decorre daí que para alguém votar bem, deve conhecer o perfil dos candidatos e sua trajetória convencional, suas propostas em beneficio da Convenção de Ministros.

Assim, superaremos a política do favor, da retórica, das promessas, da demagogia.

Pastores eleitos devem saber que estão exercendo um cargo para servir aos pares e não a si próprios!


É uma missão, Uma diaconia (serviço) em favor do povo, é uma decorrência da fé que se comprova nas boas obras, portanto um trabalho pastoral.

Esta missão requer competência, eficiência, transparência e espírito de serviço.

Voto ético é voto consciente, livre, secreto, responsável.


Temos candidatos competentes, conscientes e dignos da credibilidade.

Neste sentido a Convenção tem a missão precípua de olhar por seus membros, instituições, projetos sociais, espirituais com o único alvo de glorificar a Deus!

A responsabilidade dos membros da Mesa Diretora é atender e servir sem distinção aos Pastores e Evangelistas, Igrejas e Campos Ministeriais, a distribuição de responsabilidades (Cargos) deve ser de forma equitativa conforme o Estatuto da mesma.

Pastores e Evangelistas não podem ficar Alheio ás decisões, indiferentes, estranhos indolentes diante de questões que se apresentam ao longo do mandato convencional, porque todos são responsáveis por todos.

Ainda mais, “a caridade não pode estar dissociada da justiça” e os Pastores não podem abdicar da participação enquanto promoção do bem comum.


Pelos laços do Calvário,

Pr. Daniel Sales Acioli

5 comentários:

  1. SHALOM!

    1. Amado Pr Daniel, louvo ao Eterno por sua vida. Parabéns pela forma séria, sincera, como o sr expos sua opinião. Lembremos que maior é aquele que serve, e não aquele que é servido. Jesus, o Messias prometido, o Verbo encarnado, o Rei Eterno, tomou uma toalha e lavou os pés dos discípulos! Que exemplo! Que altruísmo!

    Nele, que sempre serviu

    Pr Marcello Oliveira

    ResponderExcluir
  2. Prezamado pr. Daniel Acioli,

    A paz do Senhor!

    Muita honrado me senti em poder ler, a sua matéria, que com a simplicidade de um servo de Deus, pode expressar o âmago do que deve ser provido a um momento de eleição.

    Sugiro, que seja motivo de cópias e que seja distribuído aos participantes como instrumento, até mesmo a participantes de outras convenções.

    A responsabilidade, deve ser o motivo principal neste momento, e não a escolha do melhor pregador, ou melhor acadêmico, ou quem sabe do mais carismático.

    A escolha deve ser com base na experiência de quem servirá, com prazer, e dedicação aos demais ministros. Afinal, o maior deverá servir ao menor, como o fazem os que desistiram de sí mesmo pela causa do Evangelho da Verdade no exemplo de Paulo, o nosso querido apóstolo, o de verdade.

    O Senhor abençõe esta encontro e que o SEnhor tenha total liberdade nos corações participantes.

    O Senhor seja contigo, amado pastor Daniel,

    pr. Newton Carpintero
    www.pastornewton.com

    ResponderExcluir
  3. A ética e a justiça não podem se calar em um momento tão importante da CIEADEP. esta eleição pode marcar definitivamente a arrancada de nossa igreja para tempos de seriedade, ética e união.

    ResponderExcluir
  4. Caro amigo e pastor Daniel Acioli,

    A paz do Senhor!

    Sábias palavras! Lendo o seu blog, pensei: "Quando seremos brindados com um livro do pastor Daniel Acioli?" Creio que Deus poderá preparar isso, para a sua glória.

    Um grande abraço!

    Ciro Sanches Zibordi

    ResponderExcluir
  5. A paz do Senhor Pr Daniel Acioly, sou Ellen esposa do Ev. Eliel Gaby e lendo o seu blog hoje, e acompanhando de perto a preparação para essa Convenção, senti de postar o seu texto no meu blog, achei-o muito correto, sério e propício, espero que não se incomode! Deus o abençõe!

    ResponderExcluir